Jogador esfaqueado em Itália livre de perigo

O futebolista espanhol Pablo Marí, esfaqueado na quinta-feira, foi operado esta sexta-feira, devendo regressar aos relvados do Monza daqui a dois meses.

O defesa foi uma das cinco pessoas esfaqueadas por um homem de 46 anos, com distúrbios mentais, num centro comercial em Assago, nos arredores da cidade italiana de Milão.

Uma pessoa morreu e o atacante foi detido pela polícia.