John Kerry será próximo secretário de Estado dos EUA, diz imprensa

WASHINGTON - O senador democrata John Kerry será o substituto de Hillary Clinton à frente do Departamento de Estado americano, afirma a imprensa local. Segundo adiantaram fontes anônimas às redes CNN e ABC News e também à Reuters, Kerry é o escolhido do presidente Barack Obama e o anúncio oficial deve ser feito nas próximas semanas.

Candidato à Presidência em 2004 e importante defensor de Obama, Kerry, de 69 anos, vinha sendo apontado como favorito ao cargo de secretário de Estado, depois que a embaixadora dos EUA na ONU, Susan Rice, desistiu de disputar a função. Susan Rice é uma aliada próxima de Obama, mas recebeu fortes críticas republicanas após comentar o ataque ao consulado de Benghazi, na Líbia, quando o embaixador americano Chris Stevens foi morto.

Estima-se que Hillary vá deixar o cargo nas próximas semanas. Ainda não se sabe qual será seu futuro político. Alguns analistas apostam na candidatura da ex-senadora para as eleições presidenciais de 2016.

John Kerry trabalhou nos últimos anos como aliado da Casa Branca no Capitólio e uma de suas tarefas recentes foi liderar a delegação que negociou com o governo do Paquistão após a operação americana que matou o terrorista Osama bin Laden, em maio do ano passado. Conhecido da população americano por sua experiência no Senado, Kerry também recebeu o apoio nesta semana de adversários republicanos. A candidatura de Kerry seria aprovada com maior facilidade pelo Senado que a e Rice, acusada de manipular informações na época do ataque em Benghazi. O republicano John McCain, por exemplo, chegou a se referir a ele como "senhor secretário" e disse que faria o possível para impedir a indicação de Susan Rice.

Carregando...

Siga o Yahoo Notícias