Johnny Depp x Amber Heard: Bolsonaro ironiza tuíte ‘ele não’ da atriz após ela ser condenada por difamação

O presidente Jair Bolsonaro (PL) ironizou Amber Heard após ela ter sido condenada por difamação em processo movido pelo ex-marido, o ator Johnny Depp. Em um post em sua conta no Twitter, Bolsonaro compartilhou uma publicação feita pela atriz em 2018, às vésperas das eleições presidenciais no Brasil, em que ela publicou a tag “#EleNao”, usada por opositores do então candidato, acompanhado de um gif em que o próprio Bolsonaro aparece surpreso ao olhar para o aparelho celular.

.

O presidente já havia feito uma publicação em que sugere uma indireta à atriz. Sem citar nomes, ele fez um post, em inglês, com o versículo bíblico no livro de João, capítulo 8 versículo 32 (“Conhecereis a verdade, e ela os libertará”), comumente postado por ele.

No tuíte, ele, novamente em inglês, havia mandado “abraços do capitão Jair Bolsonaro”, mas sem destacar o destinatário.

Nesta quarta-feira, a atriz foi considerada culpada de todas as três acusações de difamação no processo movido pelo ex-marido sobre seu editorial de 2018, no qual alegava abuso doméstico: Amber pagará US$ 15 milhões ao ex-marido.

Mas Depp, no entanto, também foi condenado em uma das três acusações a que respondia, e indenizará a ex-mulher com US$ 2 milhões. O resultado foi alcançado por unanimidade e lido pela juíza Penney Azcarate.

Entenda: Por que Depp vai receber US$ 10 milhões de Amber, mas terá de pagar US$ 2 milhões à ex-mulher

O astro de "piratas do Caribe" pedia US$ 50 milhões por danos, devido a um artigo dela sobre violência doméstica publicado no "Washington Post" em 2018. Já a atriz de "Aquaman" pedia o dobro, mas por declarações de um ex-advogado de Depp chamando seu relato de "farsa". Cada um diz ter sido abusado durante o período em que estiveram juntos.

Johnny Depp: Ator é visto em pub britânico pouco antes de ganhar processo de difamação contra Amber Heard

O julgamento por difamação foi transmitido ao vivo pela web entre 11 de abril e o último dia 27, o que gerou grande repercussão pela relação conturbada vivida pelos dois enquanto formavam um casal. O ator Johnny Depp, de 58 anos, e a atriz Amber Heard, de 36, tiveram um relacionamento entre 2011 e 2016, entre namoro, casamento e divórcio, concluído em 2017.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos