Jorge Jesus de volta ao Brasil? sonho antigo do Atlético-MG, que perdeu Cuca, e distante do Flamengo, técnico está de saída do Benfica

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Três acontecimentos das últimas 48 horas mexem com o futuro de Flamengo e Atlético-MG, com Jorge Jesus no centro das atenções. No domingo, o rubro-negro confirmou o acerto com técnico Paulo Sousa, mas a assinatura do contrato ainda depende da federação polonesa; na segunda-feira, Cuca deixou o Galo; e na manhã desta terça-feira, Jesus está prestes a rescindir com o Benfica e ficar livre no mercado. Nessa conjuntura, o retorno do treinador português ao Brasil volta à tona e ele não descarta um retorno.

O Flamengo só terá a palavra final de Paulo Sousa na quarta-feira após reunião do técnico português com os poloneses, com quem ele tem contrato em vigor até março. A federação polonesa rejeitou o pedido de rescisão e considerou a atitude do treinador "irresponsável". Só nas próximas 24 horas, o martelo será batido e o rubro-negro poderá confirmar ou não seu novo comandante.

Os dirigentes rubro-negros conversaram com Jesus, mas a reunião em Portugal deixou uma impressão ruim entre os dirigentes. O vice de futebol Marcos Braz e o diretor Bruno Spindel entenderam que Jesus não se colocou disponível para retornar ao Brasil. Ainda deixou no ar que o clube poderia aguardar até maio do ano que vem, quando o contrato dele se encerraria. Veja onde estão os jogadores campeões da Libertadores 2019 que já saíram do Flamengo

Sem uma palavra assertiva do treinador, a diretoria sequer fez proposta e também não recebeu nenhuma indicação do que Jesus gostaria para voltar ao Flamengo. E deu o assunto por encerrado.

Com a iminente saída do técnico do Benfica e a situação incerta de Paulo Sousa, Jesus até poderia voltar a ser uma opção. Mas o Flamengo não deve mudar a decisão tomada.

Agora, no entanto, há a possibilidade de uma concorrência interna de peso. De forma surpreendente, o técnico Cuca anunciou sua saída do Atlético-MG alegando questões familiares. A saída ainda não foi oficializada, mas o atual campeão brasileiro terá de correr atrás de um novo treinador. E Jorge Jesus é um sonho antigo do Galo.

O português, inclusive, já esteve perto do clube mineiro. Pouco antes de fechar com o Flamengo, em 2019, ele visitou a Cidade do Galo e assistiu a uma partida do Atlético-MG (contra o rubro-negro) ao lado de Rubens Menin, atualmente o principal investidor do time. Jesus também é amigo de Ricardo Guimarães, dono do banco BMG, que tentou a contratação do treinador na ocasião.

Porém, na época, ele optou pelo Flamengo pois queria treinar um time que brigasse por títulos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos