Jornalista italiano libertado após duas semanas de detenção na Turquia

Gabriele Del Grande é um dos diretores do documentário "Io sto con la sposa" (Eu estou com a noiva), exibido em 2014 no Festival de Veneza, sobre os refugiados sírios e palestinos

O jornalista italiano Gabriele Del Grande, detido na Turquia no momento em que realizava uma reportagem sobre os refugiados perto da fronteira com a Síria, foi libertado após duas semanas, anunciou o governo da Itália.

Del Grande, 34 anos, desembarcará no aeroporto de Bolonha nas próximas horas e será recebido por seus pais e pelo ministro das Relações Exteriores, Angelino Alfano.

O jornalista italiano foi detido pela polícia turca em 9 de abril quando entrevistava refugiados sírios para um livro que está escrevendo sobre o conflito e o nascimento do grupo Estado Islâmico (EI).

O blogueiro, escritor e ativista dos direitos humanos iniciou na semana passada uma greve de fome para denunciar que não tinha acesso a um advogado e que havia sido "interrogado" sobre sua reportagem.

Del Grande é um dos diretores do documentário "Io sto con la sposa" (Eu estou com a noiva), exibido em 2014 no Festival de Veneza, sobre os refugiados sírios e palestinos.