Jornalistas estrangeiros avaliam Monzón, alvo do Flu para a lateral

Uma reunião na tarde desta terça-feira pode definir até onde o Fluminense deve avançar na busca pela contratação do lateral-esquerdo Fabián Monzón, do Olympique de Lyon, da França. O jogador surgiu como uma das possibilidades para a posição, já que os nomes que atuam no país não agradam a diretoria tricolor.

Para descobrir mais a respeito deste possível novo reforço do Tricolor, o Lance!Net procurou jornalistas da Argentina, onde o atleta iniciou a carreira, e da França, país pelo qual Monzón joga desde 2011, quando saiu do Boca Juniores para jogar no Nice, antes de chegar ao Lyon, atual clube dele.

Pelo que foi comentado, o argentino é um jogador veloz, possui boa força física e sabe apoiar e marcar bem. No entanto, tem um grave problema: a irregularidade. Desde os tempos de Boca, fazia partidas muito boas e em outras pouco aparecia. Talvez por causa disso, não conseguiu se firmar no Lyon, após uma boa temporada atuando pelo Nice.

Ainda assim, os dois repórteres confiam que Monzón pode ser um ótimo reforço para o Fluminense. Confira a entrevista:

Agustin Iuele

Repórter do Olé

Os primeiros meses de Monzón no Boca Juniors foram ótimos, mas aos poucos começou a ser irregular. Ainda assim, é um dos poucos laterais que sabe marcar e atacar bem. Se acertar, será uma boa contratação, pois tem um estilo que lembra muito o dos laterais brasileiros.

As principais características de Monzón são a pegada e a velocidade. É um jogador que gosta muito de ir ao ataque e sabe chutar de fora da área. No entanto, sofre muito com a irregularidade, pois não consegue se manter muito tempo jogando no alto nível que pode.

Acredito que será ótimo para ele retornar ao futebol sul-americano e, corrigindo alguns erros, pode ser um lateral importante para o Flu.

Eric Frosio

Correspondente do L'Équipe no Brasil

Monzón chegou ao Lyon há seis meses e durante todo esse período não conseguiu render o esperado. Ele teve poucas chances na equipe titular. Se fizer um panorama geral, ele sempre teve uma nota abaixo da média, de 3 a 5. É muito pouco pela expectativa criada sobre ele quando veio do Nice.

Por causa disso, acabou sendo uma decepção e virou motivo de piada entre os jornalistas, porque custou caro e rendeu pouco. Pelo Nice, um clube de menor expressão, ele mostrou que é um jogador de muita raça e determinação. Será uma boa para o Fluminense, pois é um atleta ainda jovem e tem qualidade. Mas, para o torcedor do Lyon, Monzón não deixará saudade!

Carregando...

Siga o Yahoo Notícias