Jovem come camarão, tem reação alérgica e fica com rosto deformado durante viagem ao Rio; vídeo viralizou

O vídeo de uma jovem com rosto inchado devido a uma crise alérgica viralizou nas redes sociais. Com 5,5 milhões de visualizações no TikTok, a estudante Amanda Nicândio, de 22 anos, exibe um antes e depois com a legenda "Mostre você e depois o que quase te matou". Mineira de Belo Horizonte, ela estava em viagem ao Rio de Janeiro e tudo aconteceu após uma reação alérgica ao consumo de camarão.

— Foi uma forma não tão boa de viralizar, mas graças a deus eu tô bem, meu rosto está 100% — é o que afirma Amanda em novo vídeo postado nesta quarta-feira.

Explicando que tem sido muito requisitada pela imprensa, ela define o momento como "uma loucura com doideira", e que a imagem que chamou a atenção dos usuários e seguidores também a impressiona.

— A imagem, que choca muita gente, me choca também — explica.

A exposição, segundo ela, está proporconando uma procura por parceiros: "Algumas marcas estão entrando em contato comigo".

Amanda, que nunca teve alergia a camarões, os consumia livremente durante uma viagem que fez com uma amiga ao Rio de Janeiro:

— Nessa porção tem camarão frito, camarão empanado e lula — explica ela em vídeo no TikTok em que mostra o pedido que fez com uma amiga em um quiosque na praia de Copacabana, como disse ao portal g1.

Nas próprias redes sociais, ela explica a saga até o fim daquela viagem:

— Um dos funcionários do quiosque me orientou a ir para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento). Estava com muito medo do meu rosto não voltar ao que era antes. Passei a noite internada na UPA e, depois de receber muitos medicamentos e muitas vacinas, fui liberada assim (com o rosto ainda inchado). Todo mundo achava que eu tinha levado um soco — relatou, acrescentando que precisou usar óculos escuros até o fim dos dias no Rio.

Ela conclui dizendo que nunca tenha tido alergia a camarão até o episódio, aquela foi a última vez que consumiu o prato.

— Sempre pude comer (camarão) e, depois disso, nunca mais comi e nem vou comer.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos