Jovem é morta a tiros na porta da escola e ex-namorado é suspeito

Jovem foi morta a tiros na saída de escola em Pinda e o ex-namorado é o suspeito. (Foto: Reprodução)
Jovem foi morta a tiros na saída de escola em Pinda e o ex-namorado é o suspeito. (Foto: Reprodução)

A estudante Juliana Fernandes Cândido, de 19 anos, foi morta na porta da escola a tiros na noite desta quinta-feira (19) no bairro Alto do Cardoso em Pindamonhagaba, em São Paulo.

O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas a vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O ex-namorado é suspeito do crime.

Juliana saía da escola onde fazia o curso técnico de enfermagem por volta das 22h e seguia a caminho do carro onde o pai a esperava, quando foi atingida por disparos pelas costas. A ação foi flagrada por câmeras de segurança.

O pai da jovem estava no carro estacionado na frente do colégio esperando por ela, quando ao chegar na porta do veículo a vítima foi surpreendida pelos disparos e morreu no local. Após os disparos o autor fugiu e está sendo procurado pela polícia.

A ação foi flagrada por câmeras de segurança que mostram o momento do crime.

De acordo com a polícia, a jovem havia terminado recentemente o relacionamento com o namorado e a suspeita é de que, não aceitando o fim, tenha cometido o crime. O suspeito já tinha sido detido por porte de arma.

Na noite desta quinta-feira a polícia fez buscas nos endereços do jovem, mas ele não foi encontrado.

O irmão da jovem assassinada disse ao g1 que todos estão sofrendo com a perda e que Juliana morreu em frente ao seu pai.

“Ela foi assassinada na frente do meu pai, morreu ali aos pés do meu pai sem que pudesse fazer nada. Aos 76 anos meu pai teve que ver a vida da filha dele ser tirada sem motivo”, conta o irmão Renan Fernandes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos