Jovem morre após ser atingida por bala perdida em São Gonçalo

Giovanni Mourão
·1 minuto de leitura

RIO — Uma moça de 19 anos morreu, na tarde de ontem (13), após ser vítima de uma bala perdida, no Jardim Catarina, em São Gonçalo. Emanoelly Almeida foi atingida no rosto e encaminhada à emergência do Hospital Estadual Alberto Torres (Heat), no bairro do Colubandê, mas não resistiu. Segundo a Polícia Militar, naquele momento, houve uma troca de tiros entre homens armados em motos e policiais do 7º Batalhão (São Gonçalo) que patrulhavam as ruas de Santa Luzia, bairro vizinho de onde ocorreu o caso. A ocorrência foi registrada na 73ª DP (Neves).

Ainda de acordo com a PM, que não esclareceu a origem dos disparos, os homens armados efetuaram disparos contra a equipe policial, que reagiu e solicitou apoio de outras equipes. A corporação diz ainda que, após cessarem os disparos, uma vítima foi encontrada ferida, sendo imediatamente socorrida ao Hospital Alberto Torres.

A Polícia Civil diz que as investigações estão em andamento. "Houve apreensão de arma dos policiais militares que participaram da ação para confronto balístico, a fim de determinar a origem do disparo. Agentes realizam diligências para esclarecer a dinâmica e a autoria do crime", conclui, por nota.