Jovem relata terror em tiroteio em festa que terminou com morte de estudante

Jovem estudante morreu após ser baleada em tiroteio em festa sertaneja — Foto: Reprodução
Jovem estudante morreu após ser baleada em tiroteio em festa sertaneja — Foto: Reprodução
  • Jovem universitária morreu em tiroteio em festa sertaneja no interior de São Paulo

  • Um rapaz foi atingido de raspão nas costas e relatou como foi o episódio

  • Duas pessoas morreram e outras duas ficaram feridas em meio à confusão

Um homem foi atingido de raspão por uma bala perdida no tiroteio que matou duas pessoas em festa sertaneja no último domingo (20), em Piracicaba, no interior de São Paulo.

"Eu só ouvi o povo correndo, fui correr e senti que queimou e saí andando. Para sair de lá, caso acontecesse de novo", relatou o rapaz em entrevista ao g1.

A estudante da Unicamp Heloise Magalhães Capatto, de 23 anos, e o jovem Leonardo Victor Cardozo, 26, foram alvejados em meio à confusão e não resistiram. Outras duas pessoas ficaram feridas. Ninguém foi preso.

A confusão aconteceu na festa “Fervo”, cuja atração principal era o show da dupla Hugo & Guilherme. Segundo o boletim de ocorrência, o tumulto começou durante o espetáculo principal.

Jovem lamenta ocorrido

O rapaz ferido de raspão nas costas preferiu não se identificar. Ele relatou que não precisou de atendimento médico no local, mas procurou um centro médico posteriormente por conta própria.

"O meu, felizmente, foi só um raspão. Agora, o triste foi os que estavam lá, que chegaram a falecer", comentou.