Jovem tem rosto cortado durante viagem de ônibus com destino a Salvador

De acordo com a jovem, uma faca foi encontrada com a pessoa que sentava atrás dela no ônibus. Foto: Reprodução / Instagram / @teffi_nh
De acordo com a jovem, uma faca foi encontrada com a pessoa que sentava atrás dela no ônibus. Foto: Reprodução / Instagram / @teffi_nh
  • A jovem teve o rosto cortado enquanto dormia em um ônibus interestadual;

  • A vítima divulgou o caso nas redes sociais na última sexta-feira (2);

  • De acordo com a jovem, uma faca foi encontrada com a pessoa que sentava atrás dela no ônibus.

Uma jovem teve o rosto cortado enquanto dormia durante uma viagem de ônibus interestadual no último final de semana. Stefani Firmo, que divulgou seu caso nas redes sociais na última sexta-feira (2), retornava de Recife para Salvador quando, pela manhã, acordou com fortes dores e sangue no rosto.

“No último fim de semana, estava retornando de Recife para Salvador em um ônibus interestadual. O embarque ocorreu às 18:15h, com previsão de chegada às 7:40h. Por volta das 5h, acordei com uma dor muito forte no rosto. Ao passar a mão, verifiquei que estava coberta de sangue”, escreveu a jovem no Twitter.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Firmo disse que, após tomar ciência do ocorrido, foi até sua amiga, presente no ônibus, para ajudá-la com o ferimento. Em seguida, elas acordaram as outras pessoas no ônibus.

Todos se dirigiram para a Delegacia de Polícia Civil de Conde, onde se recolheu os depoimentos de alguns passageiros.

De acordo com a jovem, uma faca foi encontrada com a pessoa que sentava atrás dela no veículo. Contudo, a polícia liberou o passageiro “pois não havia elementos suficientes para decretar a prisão preventiva.”

“Estou completamente assustada e abalada.* Não sei se a intenção da pessoa era me cortar gravemente ou me matar, mas o fato é que já não podemos nem mesmo viajar em segurança. Não estamos seguros em local nenhum”, disse Firmo nas redes sociais.

“Só espero que as autoridades finalizem as investigações e que a empresa de ônibus colabore com a disponibilização das imagens (até o momento não enviaram, mesmo com o requerimento expedido pela Delegacia) para que possamos prender esse (a) criminoso (a)”, continuou.