Jovem viaja para pedir mulher em casamento, mas capota e passa mais de 48 horas preso em ferragens

O barbeiro Davidson Borges Valdez, de 32 anos, ficou desaparecido por mais de 48 horas após sofrer um acidente na BR-163, no Mato Grosso do Sul. Ele havia deixado Campo Grande com destino a Naviraí, há 5 horas de distância, com o objetivo de pedir sua namorada em casamento, segundo familiares. Davidson Valdez foi encontrado na manhã desta segunda-feira e levado para um hospital.

Crime: Guru Kat Torres está presa preventivamente em MG; PF investiga indícios de esquema de tráfico de pessoas e prostituição nos EUA

Aulas de História: Vídeo de alunos de MG surpreende e comove ao mostrar como o aprendizado mudou a visão deles sobre a África

Apesar dos ferimentos pelo corpo, o estado de saúde do homem é considerado bom. Ele segue internado e é mantido sob supervisão médica em um hospital de Naviraí.

As causas do acidente ainda não foram identificadas. O Peugeot 206 preto dirigido pelo homem capotou na manhã de sexta-feira e foi parar em uma ribanceira, de modo que não estava à vista de quem passava na rodovia de carro, no quilômetro 135 da BR-163.

O veículo foi encontrado após a polícia ter conseguido acesso às câmeras da CCR. Familiares criticaram a demora para a liberação das imagens para a Polícia Rodoviária Federal.

— Eles esquecem que é uma vida — disse Erica Almeida, namorada de Davidson, explicando que a demora se deu pela ausência de um mandato que garantisse o acesso às imagens — Estávamos pensando em várias coisas. Tanto eu quanto os familiares. Não sabíamos o que tinha acontecido.

Davidson está de mudança para Navaraí, onde a sua namorada Erica Almeida já reside. Dono de uma barbearia em Campo Grande, ele pretende começar uma vida nova no município.

Segundo Erica, ela e Davidson pretendem se casar em janeiro, mas o casal já morou junto. De acordo com o que a mãe do barbeiro contou à jovem, ele iria pedir a sua mão neste final de semana, como um momento simbólico de celebração entre os dois.