Juliano Cazarré anuncia que mulher está grávida do quinto herdeiro

·2 min de leitura
**ARQUIVO**  SAO PAULO, SP, BRASIL, 11.07.17 19h Juliano Cazarre e Leticia Cazarre. . (Foto: Marcus Leoni / Folhapress)
**ARQUIVO** SAO PAULO, SP, BRASIL, 11.07.17 19h Juliano Cazarre e Leticia Cazarre. . (Foto: Marcus Leoni / Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ator Juliano Cazarré, 41, anunciou pelas redes sociais que a esposa, Letícia, está grávida de seu quinto herdeiro. "Baby 5 a caminho. Deus é tão generoso conosco! Obrigado, Senhor. A vida quer viver", escreveu ele.

Em 2020, o ator resolveu oficializar no religioso o casamento com a mulher. Os dois aproveitaram para fazer a celebração em uma cerimônia discreta e com o uso de máscaras, por causa da pandemia de Covid-19.

O casal, que está junto há dez anos, já era casado no civil. Eles são pais dos meninos Vicente, 11, Inácio, 9, e Gaspar, 1, e mais recentemente de Maria Madalena, esta última nascida em janeiro de 2021.

Além do casamento, o casal aproveitou a ocasião para realizar um "pacotão" de celebrações. Eles batizaram Vicente e Inácio e fizeram a primeira comunhão dos dois, além da de Leticia, que não havia passado pelo sacramento ainda.

Em julho, Cazarre se viu diante de uma polêmica e se pronunciou a respeito da suposta recusa em tomar a vacina contra a Covid-19. O ator respondeu aos rumores de que poderia perder o papel no remake de "Pantanal" (Globo) por não querer tomar o imunizante.

Segundo ele, não houve rejeição à vacina por parte dele, mas um pedido de orientação. "Há alguns dias eu fiz uma consulta à produção de 'Pantanal' sobre a situação da vacina, pois eu adquiri imunidade ano passado e já li textos falando que a vacina nesses casos pouco adianta e que uma nova carga viral pode ser prejudicial", explicou.

No entanto, vale lembrar que os especialistas recomendam que a vacina seja tomada mesmo por quem já teve Covid-19. Nesses casos, segundo a Fiocruz, apenas deve-se esperar um mês a partir dos primeiros sintomas ou, no caso dos assintomáticos, do resultado positivo.

Cazarré afirmou que já havia decidido por tomar a vacina, mesmo antes da repercussão nas redes sociais negativa da suposta negativa.

"Ao longo do final de semana conversei com um médico em quem confio, que me explicou mais sobre a vacina, tirou as dúvidas sobre o processo como são feitas e eu já tinha me decidido a tomar, assumindo os mesmos riscos que todos os vacinados", disse.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos