Juncker adverte sobre "trabalho por fazer" para acordo sobre Brexit em dezembro

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, em Bruxelas, em 16 de outubro de 2017

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, advertiu nesta sexta-feira que ainda resta "trabalho por fazer" na negociação de divórcio com o Reino Unido.

"O tempo corre. Espero que sejamos capazes de chegar a um acordo no que diz respeito ao divórcio no Conselho Europeu de dezembro, mas ainda resta trabalho por fazer", disse Juncker na sua chegada a uma cúpula social da UE na cidade portuária sueca de Gotemburgo.

Os europeus querem progressos suficientes na negociação do montante a pagar por Londres por seus compromissos adquiridos como membro, assim como na situação dos direitos dos cidadãos da UE em território britânico após o Brexit e na questão da Irlanda do Norte, para começar a debater a futura relação.

Ao fim da última rodada de negociação na semana passada, o negociador europeu, Michel Barnier, deu um ultimato a Londres para que precise sua posição sobre a fatura do Brexit, uma das prioridades do bloco, para o final de novembro.

A primeira-ministra britânica, Theresa May, se comprometeu em setembro a respeitar os compromissos financeiros de seu país com seus 27 sócios, enquanto seu colega sueco, Stefan Löfven, pediu para "esclarecer o quer dizer com a responsabilidade financeira".