Justiça derruba liminar que suspendeu Programa de Demissão Voluntária da BR Distribuidora

Ramona Ordoñez

RIO - O Desembargador Marcos Pinto da Cruz, do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 1ª Região, derrubou a liminar que impedia a realização, pela BR Distribuidora, do seu Programa de Demissão Voluntária. De acordo com a empresa, o PDV será retomado a partir das 9 horas desta quinta-feira, até as 23h 59m de sexta-feira, dia 29.

No último dia 19, a juíza do TRT da 1ª Região Gabriela Canellas havia concedido liminar suspendendo o programa, cujo prazo de adesão terminava no dia 21. O pedido de liminar tinha sido solicitado pelo Sitramico-RJ, sindicato da categoria, que alegava, entre outras coisas, um prazo muito curto para a adesão ao programa, além de pouca transparência no processo.

No dia 25, a juíza determinou que fosse realizada uma reunião de conciliação na sexta-feira.

Até a suspensão do PDV, cerca de mil empregados, de um total de 3 mil, já haviam aderido ao programa da BR Distribuidora.