Justiça nega pedido de Ludmilla para não ser citada por Rainha Matos

·1 minuto de leitura
Ludmilla e Bruna estão casadas desde dezembro de 2019. Foto: Reprodução/Instagram (@ludmilla)
Ludmilla e Bruna estão casadas desde dezembro de 2019. Foto: Reprodução/Instagram (@ludmilla)

Resumo da notícia:

  • Ludmilla abriu um processo contra a blogueira Rainha Matos

  • A cantora pediu uma indenização por danos morais

  • Ela também pediu que a blogueira não citasse seu nome e o da esposa, Brunna, durante o processo

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Ludmilla, 26, teve uma derrota parcial em um processo que abriu contra Rainha Matos. A cantora e sua esposa, Brunna Gonçalves, haviam pedido à Justiça uma indenização por dano moral após serem citadas pela blogueira. 

Leia também:

No mesmo processo, o casal pediu que Rainha Matos, conhecida no Instagram pelas publicações sobre a vida das celebridades, não pudesse mais citar o nome delas enquanto o processo estivesse rolando. No entanto, a juíza Françoise Cully, da 3ª Vara Cível da Ilha do Governador, disse ser necessário ouvir a defesa. 

"Por ora, indefiro a antecipação dos efeitos da tutela nos moldes requeridos", disse na decisão. Para a magistrada, o mérito da medida pode ser confundido com o da causa em si, de modo que é preciso ouvir os dois lados antes de tomar uma decisão sobre o caso.

Segue o posicionamento da assessoria de imprensa de Ludmilla: "Informamos que a cantora Ludmilla até o presente momento não foi notificada. A defesa da cantora não vai recorrer da decisão, pois o pedido da liminar não foi negado e, além disso, entende que a juíza quer ouvir a outra parte para então proferir sua decisão."

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos