Justiça suspende lei que autoriza encampação da Linha Amarela pela prefeitura; entenda a polêmica

Luiz Ernesto Magalhães
Por enquanto, Linha Amarela continua com a Lamsa

RIO - O desembargador Antonio Iloízio de Barros Bastos concedeu uma liminar no fim da tarde desta quarta-feira que suspendeu os efeitos da Lei Complementar 2013/3019, que autorizava a prefeitura a fazer a encampação da Linha Amarela, hoje sob controle da concessionária Lamsa. A ação que questiona a constitucionalidade da medida foi proposta pela Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR).