K-pop: aespa quebra recorde de visualizações em MV de début 'Black mamba'

Louise Queiroga
·1 minuto de leitura
Foto: Twitter @aespa_official / Reprodução

O novo grupo feminino da SM Entertainment, aespa, quebrou recorde de visualizações no YouTube para um videoclipe de estreia no K-pop. "Black mamba", lançado em 17 de novembro, superou 100 milhões de acessos nesta sexta-feira, dia 8, segundo a agência, tornando-se a canção de début mais rápida a ultrapassar essa marca no pop sul-coreano. De acordo com a SM, foram 51 dias e 12 horas.

O MV de "Black mamba" já havia conquistado outro recorde entre os grupos novatos ao atingir 21 milhões de visualizações nas primeiras 24 horas após a divulgação.

"Estamos muito orgulhosas de ter estabelecido um bom recorde com nossa faixa de estreia e agradecemos sinceramente a cada um de nossos fãs que nos deram amor e apoio. Prometemos ser a aespa que dará boa música e energia brilhante em 2021", afirmou o grupo em um comunicado.

O diferencial do grupo é que cada integrante (Karina, Giselle, Winter e Ningning) tem um avatar virtual correspondente em um ambiente fictício, o que explica o nome do quarteto, aespa — uma abreviatura para "Avatar X Experience", com a ideia de um "novo ego" para experimentar um "novo mundo".

A letra de "Black mamba" também menciona o mundo fantástico da narrativa.

"Estou viciada, falando sem parar comigo, minha aespa / Esta comunhão, sua existência me leva a outra dimensão", dizem os primeiros versos. "Eu sou a aespa, não pode haver duas / Monocromática para cores / Isso é evo, evolução", diz outro trecho.