K-pop: Irene, do Red Velvet, se desculpa após ser acusada de humilhar estilista

Luana Santiago
·2 minuto de leitura

Depois de ser acusada de humilhar uma estilista sul-coreana, a idol Irene veio a público para se desculpar com a profissional e com os fãs por seu comportamento. Na última quinta-feira, a líder do Red Velvet se retratou por sua ''atitude estúpida'' em um texto no Instagram.

''Eu realmente peço desculpas para a estilista por minha atitude estúpida. Para chegar na posição que ocupo hoje, eu tive ajuda de várias pessoas que trabalharam comigo e, por isso, eu me arrependo e estou refletindo sobre a mágoa que causei com minhas ações imaturas. Eu estou envergonhada com a minha falta de humanidade e vou agir com mais cuidado para que isso não se repita no futuro. Eu realmente sinto muito a todos que me apoiam'', escreveu a cantora.

Na quarta-feira, uma estilista fez uma série de reclamações sobre um idol ''que a fez chorar'' e ''a fez se sentir humilhada'' em um post no Instagram. Embora ela não tenha citado nomes na publicação, fãs especularam que se tratava de Irene por causa das tags #monster e #psycho. Ambas as palavras são títulos de canções do girlgroup do qual Irene faz parte.

A estilista ainda explicou que chegou a ouvir de outros profissionais que ''ela tinha que se preparar mentalmente antes de trabalhar com certa artista''. ''Foram pouco mais de 20 minutos que pareceram o inferno. Eu não conseguia entender as ações dela. Eu queria falar com ela de uma maneira decente, e receber um pedido de desculpas cara a cara. Mas ela simplesmente desapareceu. Eu cheguei a gravar o que aconteceu caso aconteça algo. Eu devia processá-la por isso'', desabafou a profissional.

O pedido de desculpas de Irene no Instagram e o comunicado da SM Entertainment confirmaram que o relato da estilista era sobre a artista. Em nota, a agência da idol afirmou que Irene perdiu perdão pessoalmente por ter humilhado a profissional: ''Irene encontrou a estilista pessoalmente esta tarde e se desculpou por sua atitude descuidada. Ela se sente culpada por causar mágoas com sua imaturidade. Nossa agência se sente responsável por esse incidente, e nós não ignoramos o trabalho duro das equipes que trabalham com os artistas''.

Após a polêmica, Irene cancelou sua participação em alguns eventos que faria com o Red Velvet.