Karol Conká no paredão? 'BBB 21' pode ter até três do 'Gabinete do Ódio' na berlinda

Luccas Oliveira
·2 minuto de leitura

Os acontecimentos do "Big Brother Brasil 21" acabaram por tornar o grupo formado por Karol Conká, Lumena, Projota, Pocah, Arthur e o eliminado Nego Di como vilão desta edição. Agora, parece que eles protagonizarão o quarto paredão do reality show da TV Globo.

A líder Sarah tem cogitado nos últimos dias indicar a cantora Pocah, com quem nunca se entendeu no programa, ou o rapper Projota, participantes que dificilmente seriam votados pela casa. Lembrando que a indicação da líder vai direto para o paredão, sem chance de participar da Prova Bate e Volta.

Com isso, Sarah abrirá caminho para que Karol Conká, entendida como mentora do chamado "Gabinete do Ódio", seja uma das duas peças mais votadas pelos demais participantes — para este paredão, os dois brothers que receberem mais votos podem ir para a berlinda.

Enquanto isso, o trio Gilberto, Caio e Fiuk parece decidido a mandar Arthur, o namorado de Carla Diaz, ao paredão. Finalistas da última Prova do Líder, quando foram derrotados por Sarah, eles têm a incumbência de emparedar alguém em conjunto.

Uma vez que o anjo Caio deve imunizar seu ídolo e melhor amigo Rodolffo de novo, é provável que a maioria da casa vote em Karol Conká, ainda mais depois dos desentendimentos da rapper com a influencer Camilla de Lucas. A dúvida é quem seria o segundo mais votado da casa, o que deve ficar entre Gilberto e Carla Diaz.

Neste panorama, teríamos no paredão Projota ou Pocah, e disputariam a Bate e Volta Arthur, Karol Conká e Gilberto, e só um se salvaria.

Por fim, fica mais um questionamento: será que a presença de mais de um integrante do "Gabinete do Ódio" diluiria a rejeição do eliminado, tendo assim um percentual menos expressivo que os 98,76% de Nego Di na última terça-feira? A conferir.