Autor de tiroteio em aeroporto na França queria "morrer por Alá"

Paris, 18 mar (EFE).- O homem abatido neste sábado no aeroporto de Orly após atacar uma patrulha militar, identificado como Ziyed Ben Belgacem, disse que queria "morrer por Alá", indicou o procurador de Paris, François Molins.

Belgacem gritou "estou aqui para morrer por Alá" após roubar uma arma de um militar do setor de vigilância antiterrorista, acrescentou o Molins. EFE