Kosovo reabre postos de fronteira após sérvios retirarem bloqueios nas estradas

Kosovo

PRISTINA (Reuters) - Kosovo reabriu duas passagens na fronteira com a Sérvia no norte nesta sexta-feira, após três semanas de fechamento em meio a bloqueios que sérvios montaram nas estradas para protestar contra o governo em Pristina em uma disputa que atraiu preocupação internacional.

A reabertura das travessias ocorreu um dia depois que a polícia de Kosovo disse ter reaberto a passagem de Merdare, a mais importante para o transporte rodoviário de cargas, ligando o território sérvio sem litoral aos países da Europa Ocidental, e depois que bloqueios de estradas foram dispersados no lado sérvio da fronteira.

A Sérvia também encerrou um estado de alerta de três dias para suas tropas na quinta-feira, já que os lados mostraram sinais de ceder à pressão da União Europeia e dos Estados Unidos para recuar de um confronto crescente.

"As barricadas foram removidas de onde foram colocadas e as duas passagens de fronteira em Jarinje e Brnjak foram abertas ao tráfego hoje à tarde", disse a polícia de Kosovo em um comunicado nesta sexta-feira.

Cerca de 50.000 sérvios que vivem no norte de Kosovo se recusam a reconhecer o governo em Pristina ou o status de Kosovo como um país independente, após sua separação em 2008. Eles têm o apoio de muitos sérvios na Sérvia e seu governo.

A última elevação nas tensões ocorreu quando os sérvios no norte de Kosovo começaram a erguer bloqueios de estradas em 10 de dezembro em protesto contra a prisão de um ex-policial sérvio. Eles concordaram em começar a desmontar as barricadas depois que o ex-policial foi transferido da detenção para prisão domiciliar na quarta-feira.

(Reportagem de Fatos Bytyci)