Lázaro Barbosa é capturado pela polícia de Goiás e não resiste a ferimentos de confronto

·1 minuto de leitura

Por Patrícia Vilas Boas

(Reuters) - Após 20 dias de operações de buscas, o foragido Lázaro Barbosa de Souza, de 32 anos, foi capturado, informou o governador de Goiás nesta segunda-feira, pondo fim a uma megaoperação das equipes de polícia na região de Goiás.

"Era questão de tempo até que a nossa polícia, a mais preparada do país, capturasse o assassino Lázaro Barbosa", disse o governador Ronaldo Caiado no Twitter, parabenizando o trabalho da polícia, que mobilizou uma força-tarefa com cerca de 270 policiais.

Segundo o secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, o foragido foi baleado durante confronto com a polícia e não resistiu aos ferimentos.

"Ele foi socorrido com vida, mas chegando ao hospital veio a óbito", disse o secretário a jornalistas.

"Hoje nós restabelecemos a paz e a tranquilidade nessa comunidade de bem", comemorou Miranda. "Ainda temos outras pessoas para investigar e prender", acrescentou, explicando que Lázaro provavelmente contava com uma rede de apoio.

Lázaro era suspeito de ter assassinado quatro pessoas de uma mesma família em Ceilândia, no Distrito Federal, e um caseiro. Antes disso, havia sido condenado por assassinato e estupro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos