Líder da minoria na Câmara pede à Justiça para tirar Salles do cargo

·1 minuto de leitura
***ARQUIVO***BRASÍLIA, DF, 21.01.2020 - O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, em entrevista sobre a criação do Conselho da Amazônia, em Brasília. (Foto: André Coelho/Folhapress)
***ARQUIVO***BRASÍLIA, DF, 21.01.2020 - O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, em entrevista sobre a criação do Conselho da Amazônia, em Brasília. (Foto: André Coelho/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (OFLHAPRESS) - O deputado Marcelo Freixo (PSOL-RJ), líder da minoria na Câmara, ingressará com pedido na Justiça Federal do Distrito Federal para que suspenda a nomeação do ministro Ricardo Salles (Meio Ambiente).

A ação popular será protocolada, segundo Freixo, na manhã desta quarta-feira (19). Nela, o deputado também pede, em caráter liminar, que Salles seja afastado imediatamente até o julgamento definitivo por desvio da finalidade do papel de ministro do Meio Ambiente.

Salles é alvo de busca e apreensão pela Polícia Federal na manhã desta quarta. A PF apura uspeitas de crimes de corrupção, advocacia administrativa, prevaricação e facilitação de contrabando que teriam sido praticados por agentes públicos e empresários do ramo madeireiro.

Ao todo, a PF cumpre 35 mandados de busca no Distrito Federal, São Paulo e Pará determinados pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal.​

Moraes autorizou ainda a quebra dos sigilos bancário e fiscal de Salles.