Líder de grupo antiquarentena na Carolina do Norte tem teste positivo para Covid-19

Extra, com Agências Internacionais
Movimento Reopen NC, que pede o fim da quarentena no estado da Carolina do Norte, nos EUA, faz protesto

RALEIGH, EUA — Audrey Whitlock, da Reopen NC, grupo contrário ao isolamento dos que podem ficar em casa nos Estados Unidos, revelou que contraiu o novo coronavírus, mas não apresentou nenhum sintoma, segundo a emissora de TV WNCN.

Whitlock, que mora na Carolina do Norte, reclamou que sua autoquarentena "forçada" violava seus direitos da Primeira Emenda.

"Disseram-me para não participar de manifestações públicas ou privadas, conforme solicitado pelo governo, e, portanto, estão negando o meu direito de liberdade religiosa de 1ª emenda", escreveu ela no Facebook.

O grupo, lançado no início deste mês, conta com 70.000 membros. "Defendemos a Constituição. Somos principalmente donos de empresas e funcionários que estão perdendo a renda. Estão negando nosso direito de sustentar nossas famílias", escreveu a organização, em comunicado.

O governador Roy Cooper, do Partido Democrata, estendeu as medidas de isolamento social até 8 de maio e disse que as escolas públicas permanecerão fechadas até agosto, de acordo com o Charlotte Observer.

O grupo de Audrey organizou um  protesto que incluiu o deputado republicano Dan Bishop entre a multidão. Bishop foi visto com uma cópia da Constituição — e desinfetante para as mãos, de acordo com o jornal.

— A participação do congressista Bishop na marcha é imprudente e perigosa — disse Cynthia Wallace, candidata do Partido Democrata ao Congresso dos EUA.

Para o cientista político Michael Bitzer, a resposta à Covid-19 "está infectada pelo partidarismo".

 — No lado republicano, é uma questão de liberdade econômica, mas também pessoal. No lado democrata, trata-se de saúde pública e de um bem maior. Então, você tem uma divisão clássica entre indivíduo e sociedade — afirmou ao Observer.

A ReOpen NC disse que realizará comícios em Raleigh toda terça-feira até que as restrições sejam levantadas, de acordo com a WCNC.