Ladrão que espancou morador durante roubo é agredido até a morte em MS

·1 min de leitura
Ladrão agrediu morador - Foto: Reprodução/Polícia Civil
Ladrão agrediu morador - Foto: Reprodução/Polícia Civil
  • Ladrão roubou residência em Campo Grande e agrediu o morador, que desmaiou

  • Semanas mais tarde, o criminoso foi espancado até a morte

  • O caso continua sendo investigado pela polícia local

Um ladrão foi morto semanas após roubar e agredir a socos um homem dentro de sua própria residência em Campo Grande-MS. O criminoso foi espancado e não resistiu aos ferimentos. As informações são do G1.

Câmeras de segurança da casa onde aconteceu o roubo e as agressões registraram a ação do ladrão. Ele acerta socos e pontapés no morador, de 46 anos, que chega a desmaiar por conta da violência, antes de ameaçar uma idosa de 71 anos.

O caso aconteceu em setembro do ano passado, mas as imagens foram divulgadas pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos somente na última terça-feira (18).

Dois meses após cometer o roubo, em novembro, Ermildo Veiga Martins Kaneshige, de 45 anos, foi agredido até a morte em uma rua no bairro Taquarussu.

O responsável pelo assassinato do rapaz foi preso em flagrante e disse ter matado Ermildo após um roubo à casa de um parente. A Polícia Civil, porém, descarta ligação entre o homicídio e o caso de agressão registrado em imagens.

A morte do ladrão continua sendo investigada pela 5ª Delegacia de Polícia, na capital sul-mato-grossense.

O roubo e as agressões

O rapaz agredido por Ermildo voltava de um passeio com o cachorro quando, ao abrir o portão de casa, deparou-se com o ladrão furtando objetos. O criminoso exigiu que ele liberasse sua saída e os dois entraram em luta corporal.

O morador levou a pior. Atingido por socos, chutes e pisões no rosto, acabou desmaiando. Assustada com os gritos, a mãe dele apareceu e foi ameaçada por Ermildo, que roubou seu celular antes de fugir.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos