Lady Gaga arrecada R$ 183 milhões e anuncia festival online contra coronavírus

Lady Gaga fez a curadoria de um festival com nomes como Paul McCartney e Stevie Wonder (reprodução / twitter @rdtladygaga)

(Reuters) - A estrela da música pop Lady Gaga anunciou nesta segunda-feira uma transmissão mundial com Paul McCartney, Lizzo, Billie Eilish e outros para apoiar os profissionais de saúde que estão respondendo ao surto global de coronavírus.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

O evento, chamado "Um Mundo: Juntos em Casa", será exibido em várias redes digitais e de televisão em todo o mundo no dia 18 de abril. Ele será apresentado pelos comediantes da televisão noturna Jimmy Kimmel, Jimmy Fallon e Stephen Colbert.

Leia também


Gaga, que disse que ajudou na curadoria das celebridades, participou do briefing sobre o coronavírus da Organização Mundial da Saúde nesta segunda-feira para revelar o projeto, um esforço conjunto com o grupo de advocacia Global Citizen.

Os organizadores já arrecadaram R$ 183 milhões para ajudar na crise, disse Gaga. O dinheiro beneficiará o Fundo de Resposta de Solidariedade Covid-19 da OMS. O objetivo deles é arrecadar fundos antes da transmissão, para que os telespectadores possam "sentar e apreciar o programa que todos merecem", disse ela.

O evento contará com aparições e performances de Alanis Morissette, Andrea Bocelli, Billie Eilish, Chris Martin, David Beckham, Elton John, John Legend, Keith Urban, Stevie Wonder e outros, segundo um comunicado.