Lavrov diz que conflito russo com Ocidente é "quase uma guerra real"

Chanceler russo, Sergei Lavrov, participa de briefing à imprensa em Pretória, África do Sul

(Reuters) - O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, disse nesta segunda-feira que o conflito entre Moscou e o Ocidente não pode mais ser definido como uma "guerra híbrida", mas está mais próximo de uma guerra real, ao criticar o Ocidente por enviar bilhões de dólares em armas a Kiev.

Lavrov também afirmou que a Ucrânia está rejeitando as negociações de paz e quanto mais isso continuar, mais difícil será resolver o conflito.

A Rússia tem dito repetidamente que está aberta a negociações, mas a Ucrânia e os Estados Unidos dizem que não veem nenhum sinal de Moscou de que as declarações sejam sérias e suspeitam que o país esteja tentando ganhar tempo para se reagrupar após uma série de derrotas na guerra.

"Quanto mais eles (os ucranianos) se recusarem, mais difícil será encontrar uma solução", disse Lavrov em entrevista coletiva durante uma visita à África do Sul.

(Reportagem da Reuters)