Leilão online da Justiça Federal tem imóveis com descontos de até 50%

·1 minuto de leitura
Auction law gavel and a computer laptop, wooden office desk background, closeup view, Online auction, cyber crime  concept
Leilão online de imóveis acontece em 21 de julho, com descontos de até 50% (Getty Images)
  • Justiça Federal faz leilão de imóveis em 21 de julho

  • São 93 imóveis disponíveis, entre residenciais, comerciais e terrenos

  • Eles estão distribuídos entre São Paulo e Mato Grosso do Sul

Um leilão online de imóveis da Justiça Federal, com descontos de até 50%, acontece em 21 de julho, às 11h. São 16 imóveis comerciais, 28 comerciais e 49 terrenos disponíveis, com preços que vão de R$ 3,5 mil a R$ 12,7 milhões. As informações são do UOL.

Leia também:

Os imóveis estão distribuídos entre cidades de São Paulo e de Mato Grosso do Sul, e, diferentemente de quando o leilão é feito por bancos, eles são oriundos de ações de dívidas fiscais, cíveis e crimes, segundo o leiloeiro responsável pelo certame, Douglas José Fidalgo. Nessa modalidade, algumas vezes é permitido parcelar o pagamento, o que é diferente de financiar.

Destaques

O imóvel residencial mais barato vem de execução fiscal e fica em Mogi das Cruzes, em São Paulo. O lance inicial é de R$ 62,5 mil e o pagamento pode ser feito por meio de uma entrada de 20% e o resto dividido em 59 parcelas.

Já a casa mais cara fica em Santo André, no ABC Paulista, com lance inicial de R$684.430,80. Na garagem do imóvel, que é objeto de penhora, há vagas para oito carros, três quartos e três salas. O pagamento precisa ser feito à vista.

Como participar

Para participar do leilão, é preciso se cadastrar no site da Fidalgo Leilões e se habilitar para os lances até 72 horas antes de o leilão começar, mas as ofertas serão feitas apenas às 11h de 21 de julho.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos