Lenda dos Suns, Paul Westphal morre aos 70 anos vítima de câncer no cérebro

O Globo
·1 minuto de leitura
Divulgação

Paul Westphal, membro do hall da fama da NBA e cinco vezes All-Star, morreu aos 70 anos. O anuncio foi feito pelo Phoenix Suns, equipe onde se tornou astro. Ele foi diagnosticado com câncer no cérebro em agosto de 2020.

"Westy será sempre lembrado como uma lenda do esport, dentro e fora das quadras", disse o sócio-gerente do Suns, Robert Sarver, em comunicado. “Ele construiu uma carreira ilustre tanto como jogador quanto como treinador. Seu legado está entre os ícones do basquete de todos os tempos.

Westphal ganhou um título da NBA com o Celtics, em 1974. Mas sua carreira realmente decolou quando ele foi negociado para o Phoenix, onde sua média de pontuação mais do que dobrou — para 20,5 por jogo — enquanto ajudava a levar o Suns à sua primeira participação nas finais da NBA em 1976.

"Ao longo dos últimos 40 anos, Westy foi um grande amigo da organização. Seu número (44) estará para sempre na tribuna de honra", completou Sarver.

Como treinador, Westphal foi às finais de 1993 e duas semifinais de conferência com o Suns. Westphal também treinou o Seattle SuperSonics e o Sacramento Kings.

Ele foi introduzido no Naismith Memorial Hall of Fame em setembro de 2019. Seu nº 44 foi aposentado pelo Suns, assim como o nº 25 pelo Southern Cal.