Lentidão no trânsito de SP diminui em comparação com a semana passada

VICTORIA DAMASCENO
·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A antecipação dos feriados na capital paulista diminuiu o trânsito na cidade de São Paulo, de acordo com dados da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego). O índice de isolamento social calculado pelo governo paulista, no entanto, não registrou mudanças significativas. Nesta quarta-feira (31), a média de lentidão foi de 11 km --na semana passada (24), foram registrados 21 km de lentidão. Na quarta anterior (17), foram 15 km. Cerca de 1,26 milhão de pessoas circulou nos ônibus nesta quarta, enquanto na quarta-feira passada esse número foi de 1,44 milhão. Na semana anterior eram 1,51 milhão de passageiros. Em todos os dias foram usados 11.308 ônibus. A média de isolamento social foi de 43% nesta quarta, um ponto percentual a mais do que na quarta passada, quando o sistema do governo registrou 42%. Na quarta anterior, o nível também ficou em 43%. Em todo o estado, a média foi de 43% nesta quarta, a mesma das últimas duas quartas-feiras. Desde as 20h do dia 15 de março o estado de São Paulo está na fase emergencial, a etapa mais dura desde o início da pandemia. Ela impõe medidas mais restritivas como, por exemplo, o toque de recolher das 20h até as 5h do dia seguinte, limita o funcionamento de serviços essenciais, proíbe cerimônias religiosas e determina o teletrabalho (home office) para atividades administrativas não essenciais como órgãos públicos e escritórios. A fase estava prevista para acabar no dia 30 de março, mas foi prorrogada até o dia 11 de abril porque o governo paulista não atingiu os objetivos estabelecidos. A decisão veio após a orientação dos técnicos do centro de contingência contra o coronavírus, por entenderem que o estado entrou em colapso. Os leitos de UTI (unidade de terapia intensiva) dedicados a pacientes com Covid-19 têm ocupação de 92,2% no estado e de 92,7% na região metropolitana da capital. Na quarta passada, a lotação era de 91,6% tanto no estado como na Grande São Paulo. Já a ocupação dos leitos de enfermaria está em 80,1% no estado e 83,9% na região metropolitana. Na semana passada, os valores eram de 82,7% no estado e 87,3% na Grande São Paulo. Foram registrados 1.160 novos óbitos em decorrência da Covid-19 nesta quarta-feira. Até agora, foram registrados 75.734 mortes e cerca de 2,4 milhões de casos da doença em São Paulo. A letalidade no estado é de 3%, enquanto no país, de 2,5%.