Lewa fica surpreso com saída de Paulo Sousa para o Flamengo

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
POZNAN, POLAND - JUNE 08: (BILD ZEITUNG OUT) Coach of Poland Paulo Sousa and Robert Lewandowski of Poland after substitution during the international friendly match between Poland and Iceland at Stadion Miejski on June 8, 2021 in Poznan, Poland. (Photo by Mateusz Slodkowski/DeFodi Images via Getty Images)
Centroavante do Bayern de Munique não esperava saída de Paulo Sousa da Seleção Polonesa para o Flamengo. Foto: (Mateusz Slodkowski/DeFodi Images via Getty Images)

A negociação envolvendo o Flamengo e o treinador português Paulo Sousa, que aceitou o compromisso de treinar o rubro-negro da Gávea na próxima temporada deixou Robert Lewandowski, centroavante do Bayern de Munique e capitão da Seleção Polonesa, onde era comandado por Sousa, surpreso com a decisão.

De acordo com a assessora do jogador, Monika Bondarowicz: "Robert (Lewandowski) está chocado e surpreso com as ações do técnico Sousa". A escolha de rescindir o contrato com a Federação Polonesa de Futebol (PZPN, sigla na língua local) partiu do treinador, que deseja assumir o clube carioca.

Leia também:

Cezary Kulesza, presidente da PZPN, também não levou a decisão de Paulo Sousa numa boa. Através do seu perfil oficial no Twitter, Kulesza disse que: "Hoje fui informado pelo Paulo Sousa que pretendia rescindir o contrato com @pzpn_pl de comum acordo por causa de uma oferta de outro clube. Este é um comportamento extremamente irresponsável, inconsistente com as declarações anteriores do treinador. Portanto, recusei firmemente".

O portal Interia, periódico polonês, publicou que o treinador havia afirmado aos cartolas da PZPN no dia 14 de dezembro que estava focado apenas na classificação da Polônia para a Copa do Mundo do Catar. A seleção alvirrubra está nas repescagens europeias.

O contrato de Paulo Sousa com a PZPN não possui cláusula de rescisão, segundo Zbigniew Boniek, ex-jogador que foi responsável por realizar a contratação do português à Seleção Polonesa: "O contrato é bom e deixa bem claro que ele não pode assumir outros cargos enquanto estiver com a seleção. Se tivéssemos isso escrito no contrato, seria algo que permitira aos interessados pagar esse valor a qualquer momento. Mas a ausência dessa cláusula significa que ele não pode se desvincular da seleção durante o contrato sem o consentimento da Federação".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos