Lewandowski remete inquérito contra Pazuello à Justiça Federal

Maria Carolina Marcello
·1 minuto de leitura
Pazuello durante entrevista em Brasília

Por Maria Carolina Marcello

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, determinou nesta quarta-feira a remessa de inquérito contra o ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, por suposta omissão na gestão da crise do coronavírus no Amazonas para a primeira instância.

Na véspera, Marcelo Queiroga tomou posse como novo ministro da Saúde, em cerimônia fechada. Com isso, Pazuello perdeu o foro privilegiado, motivo pelo qual não cabe mais ao STF conduzir o inquérito.

"Isso posto, e considerando que o presente inquérito trata de supostos crimes praticados a partir do Distrito Federal, sede do Ministério da Saúde, determino a remessa dos presentes autos a uma das Varas Criminais da Seção Judiciária Federal de Brasília, para a adoção das providências cabíveis", diz o ministro do Supremo, na decisão.