Liam Neeson admite que é esnobe e impõe condição para voltar a Star Wars

·1 min de leitura
Liam Neeson e Ewan McGregor em cena de
Liam Neeson e Ewan McGregor em cena de "Star Wars Episódio I: A Ameaça Fantasma" (1999): diferentemente do colega, Neeson não pensa em estrelar séries (Foto: reprodução/Disney)

Resumo da notícia:

  • Liam Neeson admite que é esnobe e impõe condição para voltar ao mundo de Star Wars

  • “Acho que sim [voltaria]… Se fosse um filme", disse o ator

  • No próximo mês, o Disney + lança uma série sobre Obi-Wan Kenobi, personagem de Ewan McGregor

Liam Neeson até pensa em voltar ao universo de Star Wars, mas gostaria que fosse em um filme. Em entrevista ao site Comicbook, o ator de 69 anos admitiu que é "esnobe" com séries de televisão e do streaming e impôs condição para retornar à bem-sucedida franquia criada por George Lucas.

“Acho que sim [voltaria]… Se fosse um filme. Sou um pouco esnobe quando se trata de TV, devo admitir, gosto da grande tela, sabe?", disse o astro, que interpretou o jedi Qui-Gon Jinn na segunda trilogia da saga. No ano passado, Liam Neeson anunciou a sua aposentadoria dos filmes de ação.

O personagem de Neeson apareceu em "Star Wars Episódio I: A Ameaça Fantasma" (1999), mas não sobreviveu aos eventos do filme. Neeson, porém, chegou a reprisar o personagem nas dublagens de algumas animações da Disney.

"Qui-Gon, não consigo acreditar que já se passaram 24 anos desde que fizemos 'A Ameaça Fantasma'. Não acredito em como o tempo passou. Foi uma experiência incrível, filmar esse filme em Londres", completou Neeson.

Liam Neeson, no entanto, parece ser um voto vencido quanto ao futuro da franquia. No dia 27 de maio, a Disney + irá lançar a série "Obi-Wan Kenobi", que marca o retorno de Ewan McGregor, protagonista da trilogia prelúdio, ao universo de Star Wars.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos