Líder de seita com sacrifícios humanos morre em acidente com viatura policial

·1 min de leitura
Kevin Smith morreu após o acidente - Foto: Reprodução
Kevin Smith morreu após o acidente - Foto: Reprodução
  • Líder de seita macabra foi preso após operação policial no último dia 17

  • Agentes invadiram culto que matou duas pessoas como sacrifício humano

  • Kevin Smith e um policial não resistiram aos ferimentos do acidente de trânsito

O líder de uma seita macabra morreu na última segunda-feira (25), na Jamaica, após acidente de trânsito. Kevin Smith estava sob custódia da polícia há pouco mais de uma semana quando aconteceu o episódio.

Kevin estava sob custódia da polícia desde o último dia 17, quando uma operação policial invadiu uma sessão da seita em uma igreja de Montego Bay. Mais de 100 pessoas, sendo 14 crianças e todos com túnicas brancas, participavam do culto.

De acordo com informações da imprensa local, dois seguidores foram mortos a facadas como forma de sacrifício humano durante o ritual. Uma terceira pessoa também morreu durante a operação policial.

Líder da seita, Kevin foi detido e levado para uma delegacia em Montego Bay. Na última segunda, ele era transferido por uma viatura para a capital Kingston, onde seria formalmente acusado pelos assassinatos.

Acidente também matou um policial

No caminho, porém, o veículo sofreu um grave acidente. Kevin e um dos policiais que faziam a transferência morreram. Os outros dois agentes que estavam no carro ficaram gravemente feridos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos