Líder do motim está foragido, diz governador do Ceará

Camilo governa o Ceará desde 2015 (Foto: Divulgação)

Em entrevista à GloboNews nesta quarta-feira, o governador do Ceará, Camilo Santana (PT), disse que o ex-deputado federal Cabo Sabino, considerado o líder do motim dos PMs, está foragido e está sendo procurado pela polícia.

E nos siga no Google News:

Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

"Há uma disputa por espaço entre os próprios líderes políticos dentro do movimento. Inclusive um deles, está com um mandado de prisão e está foragido do estado do Ceará. Estamos atrás dele e não conseguimos encontrar", disse o governador.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Camilo falou que enxergou o motim como algo “muito mais político do que salarial porque o salário nós já tínhamos feito o acordo”.

Leia também:

Durante as negociações entre governo e PMs houve um impasse pois muitos agentes pediam Sabino como representante da categoria nas conversas salariais.

Em publicação no diário oficia, Cabo Sabino foi classificado como líder da manifestação e afastado de suas funções. Ele, então, fez as convocações para que os policiais abandonassem os postos de trabalho.

Após 13 dias de paralisação, foi assinado na última segunda-feira um acordo para encerrar o motim.

Mais de 220 crimes violentos foram contabilizados em nove dias de motim - o que superou o número todo de homicídios no Estado em fevereiro de 2019