'Lightyear': Spin-off de 'Toy Story' é destaque entre as estreias da semana

O aguardado spin-off "Lightyear", da saga "Toy Story", chega às telonas brasileiras nesta semana, após ter sua estreia mundial banida em 14 países do Oriente Médio e da Ásia. Outros lançamentos de destaque são "Aline - A voz do amor", com Valérie Lemercier, que se inspira na vida de Céline Dion, e o nacional "A suspeita", de Pedro Peregrino, estrelado por Glória Pires. Veja a programação.

'Lightyear'

Queridinha de público e crítica, com quatro Oscars conquistados no currículo, a saga “Toy Story” ganha um spin-off para contar a origem do astronauta Space Ranger, que inspirou a criação do brinquedo Buzz Lightyear. Dirigida por Angus MacLane (“Os incríveis”, “Wall-E”, “Procurando Dory”), a animação chega às telonas brasileiras após ter sua estreia proibida em 14 países do Oriente Médio e da Ásia por incluir uma breve cena de beijo entre duas personagens femininas.

Programa pro feriado: Theatro Municipal recebe versão inédita do balé 'O corsário' com ingressos a partir de R$ 10

Para ficar de olho: Os filmes mais esperados de 2022

De astros do rock a rapper baiano: Festival In-Edit reúne 67 documentários musicais

'Aline - A voz do amor'

A ficção livremente inspirada na vida do ícone da música canadense Céline Dion faturou o prêmio César de melhor atriz para Valérie Lemercier (que também dirigiu e coescreveu a obra) e foi indicada ainda em outras nove categorias. A trama acompanha a jornada de Aline Dieu, a 14ª filha de uma família modesta do Canadá, até se tornar uma das cantoras mais famosas do mundo.

'A suspeita'

No thriller de Pedro Peregrino, Glória Pires vive Lúcia, uma respeitada comissária da Polícia Civil que é diagnosticada com Alzheimer. Enquanto tem de lidar com a doença, ela passa a ser investigada por ter mandado grampear o telefone de um autor que escrevia as memórias de um traficante e acaba sendo assassinado.

'Um broto legal'

A precursora do rock no Brasil, Celly Campello, tem sua história contada no filme de Luiz Alberto Pereira. Com Marianna Alexandre no papel-título, o longa mostra a trajetória da jovem de 16 anos de Taubaté, no fim dos anos 1950, até virar estrela nas rádios com hits como "Banho de lua" e "Estúpido cupido" e “Biquíni de bolinha amarelinha”

Paul Vance: Morre o americano autor da versão original de 'Biquíni de bolinha amarelinha'

'Amigo secreto'

O documentário de Maria Augusta Ramos (“O processo”) segue um grupo de jornalistas de diferentes veículos que acompanharam os desdobramentos do vazamento, em junho de 2019, de mensagens trocadas entre autoridades e o ex-juiz Sergio Moro no âmbito da operação Lava-Jato.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos