Lilia Cabral contracena com a filha em peça on-line gratuita: 'A pessoa que mais amo'

·2 minuto de leitura

A pandemia do novo coronavírus proporcionou a Lilia Cabral a oportunidade de contracenar com a filha, Giulia Bertolli, na peça ''A lista''. Nesta quinta-feira, às 20h30, o espetáculo sobre uma jovem que ajuda a vizinha aposentada durante a quarentena será transmitido no Youtube.

— É emocionante, essa peça veio em um momento muito oportuno para todos nós. Ensaiar com a pessoa que mais amo, somos duas atrizes estudando e trabalhando juntas. E de alguma forma encontramos uma maneira de levar a nossa arte para todos os lugares. Nós nos reinventamos nesse momento tão difícil para a arte e cultura do nosso país, e acho que achamos um novo caminho de chegar nas pessoas. É isso o que me move, levar a arte para todos os lugares do Brasil — afirma Lilia, que pretende seguir com a peça para novas temporadas e planeja adaptar o enredo do espetáculo para uma série de televisão.

Nesses tempos caóticos, Giulia "A lista" como uma linda surpresa. A jovem atriz define o enredo como ''emocionante, surpreendente e singelo'':

— A peça resgata aquilo que nós seres humanos temos de mais especial: a comunicação. Estou muito feliz de participar desse projeto, com essa equipe tão especial e, mais feliz ainda de poder, de alguma forma, estar perto do público, mais uma vez — conta ela, afirmando que o teatro aproxima as pessoas, especialmente neste momento de distanciamento: — E se ele não pode nos aproximar fisicamente, então que ele nos aproxime pelo que o ser humano tem se melhor: sua capacidade de compartilhar sentimentos.

Quando pensa no comédia dramática, Giulia lembra da palavra encontro.

— A peça representa o encontro entre amigos de longa data que queriam trabalhar juntos, o encontro entre mãe e filha, o encontro entre gerações, o reencontro com o teatro e, acima de tudo, o encontro entre duas vizinhas que tem tantas coisas em comum — conclui a artista.

Serviço

''A lista'': transmissão nos canais no Youtube do Sesc em Minas (SescemMinasGerais) e do Teatro Claro Rio (TeatroClaroRJ) e pelo Canal 530 da Claro TV. Qui, às 20h30. Grátis. 12 anos.A apresentação contará com tradução em libras e áudio descrição para garantir o acesso das pessoas com deficiências auditivas e visuais. Durante a apresentação o público poderá fazer doações, por meio de QR Code, para o Mesa Brasil Sesc.