Lira afirma que está esperando para ver se deputados serão incluídos no relatório da CPI por 'expressarem seu pensamento'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
BRASÍLIA, DF, 26.10.2021 - ARTHUR-LIRA: O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), durante coletiva de imprensa no Salão Verde da Câmara, em Brasília, nesta terça-feira. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
BRASÍLIA, DF, 26.10.2021 - ARTHUR-LIRA: O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), durante coletiva de imprensa no Salão Verde da Câmara, em Brasília, nesta terça-feira. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), criticou a inclusão no relatório final da CPI da Covid de um senador e afirmou que espera "tranquilamente" se algum deputado será responsabilizado criminalmente por expressar sua opinião.

Lira afirmou que ainda não leu o relatório do senador Renan Calheiros (MDB-AL), mas disse ter sido informado de uma "briga" por conta de uma inclusão nas propostas de indiciamento.

O presidente da Câmara se referia ao senador Luis Carlos Heinze (PP-RS), que foi incluído no relatório final por sua defesa de medicamentos do chamado Kit Covid. Renan o incluiu na proposta de indiciamento por disseminação de fake news.

"Eu não vou falar sobre perspectiva de relatório, não conheço, não sei do que ele vai tratar, quem vai incluir, quem ele vai retirar. Hoje teve uma briga porque o relator estava incluindo um senador. [Disse] 'eu vou lhe dar um presente, vou lhe incluir'. Os outros senadores estavam pedindo bom senso para que não tivesse esse tipo de ação", afirmou Lira.

"Eu aqui estou esperando tranquilamente para ver se os deputados da casa vão ser incluídos no relatório porque expressam o seu pensamento. Se eles cometeram crime ou não. Eu estou esperando para me posicionar com relação a este evento como presidente da Casa". completou.

Lira ainda afirmou que não cabe a ele comentar o parecer do relator Renan Calheiros.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos