Lisa Marie Presley e Michael Jackson viveram casamento em meio a polêmicas; relembre

Lisa Marie Presley e o cantor Michael Jackson viveram um casamento em meio a polêmicas na década de 1990. Filha de Elvis Presley — que morreu, aos 54 anos, na última quinta-feira (12) —, a cantora começou a namorar o astro de "Billie Jean" pouco antes de ele ser acusado por abusar sexualmente de um jovem menor de idade.

Luto: Morre Carlos Colla, compositor de ‘Falando sério’ e outros sucessos da MPB

Entrevista: Sidney Magal fala sobre melhor forma de se definir: 'Sou um cantor brasileiro, latino, que solta a franga'

À época, devido à repercussão do fato — após pagar US$ 22 milhões à família de Jordan Chandler, de 13 anos, Michael Jackson foi a julgamento quase uma década mais tarde e inocentado das acusações —, o cantor se tornou dependente de drogas e medicamentos.

A dependência química do artista foi o que levou Lisa a pedir o divórcio, como a própria contou. "Houve um momento muito sério no casamento em que ele teve que tomar uma decisão. Falei algo: 'Você seguirá com as drogas ou comigo?' E ele me afastou", ela relembrou, numa entrevista à Oprah Winfrey. Os dois anunciaram o término do casamento em 1995.

Lisa e Michael trocaram alianças em maio de 1994, numa cerimônia na República Dominicana, apenas um mês depois de a cantora se separar do músico Danny Keough. À época, fãs especulavam que a união entre ambos, fotografada e noticiada por revistas do mundo inteiro, era uma maneira de desviar o foco de atenção das acusações que recaíam sobre o cantor.

Lisa e Michael gravaram juntos o clipe da música "You are not alone", em 1995, em que ambos aparecem seminus. A letra escrita por R. Kelly foi escolhida pelo cantor justamente porque ele achou que refletia exatamente o momento que estava vivendo, em meio a rumores e a um casamento recente, porém desgastado.