Lista de reforços do Flamengo tem Oscar, Rossi, Artur e lateral do Bugre

Jamerson é um dos destaques do Guarani na Série B (Joao Vitor Rezende Borba/AGIF) (Joao Vitor Rezende Borba/AGIF)

Mesmo campeão da Libertadores e da Copa do Brasil, o Flamengo pretende contratar para 2023. A ideia do departamento de futebol é fechar com pelo menos cinco atletas para a disputa do Mundial de Clubes da Fifa, que deve ocorrer no mês de março, ainda sem local definido.

Goleiro, laterais, volante, meia e atacante de velocidade são as prioridades na Gávea. A relação de atletas conta com nomes de peso e um bem pouco conhecido, mas que vive ótima fase na Série B: Jamerson Bahia. Aos 24 anos, o lateral-esquerdo já soma sete assistências em apenas 18 jogos pelo Guarani.

Antes, ele havia disputado Paranaense, Copa do Brasil e Série D pelo Azuriz, time que detém seus direitos econômicos. Jamerson é visto como uma alternativa caso as negociações para a compra de Ayrton Lucas não avancem. O Fla já decidiu que não vai pagar os 9 milhões de euros previstos no contrato de empréstimo com o Spartak Moscou.

Para a função de goleiro, os dois alvos no momento são Agustin Rossi, do Boca Juniors, e John, do Santos. O argentino é prioridade e pode ser anunciado nas próximas semanas. Ele tenta a rescisão do contrato de forma imediata com o Boca, mediante pagamento de uma compensação financeira - o vínculo se encerra em junho de 2023.

A busca para a posição de volante tem Walace como prioridade, como na última janela. Mas a Udinese continua fazendo jogo duro e Hernane pode acabar virando a alternativa. Revelado no Athletico, o atleta de 28 anos pertence ao Parma e está emprestado à Reggina, que disputa a segunda divisão italiana.

O meia-atacante dos sonhos é Oscar, com quem o Flamengo tem um acordo verbal há meses. O empecilho segue sendo o Shanghai Port, que conta com o atleta a partir de janeiro.

Já para o ataque, Artur, do Red Bull Bragantino, Claudinho, do Zenit, e Michael, do Al Hilal, surgem como alternativas.