Lives de hoje: Mariana Volker, Dobrando a Carioca e Zélia Duncan tocam neste sábado

Sérgio Luz
·3 minuto de leitura
Roberto Setton / Divulgação

2016 896718031-2015 858028304-ZeliaDuncan031.JPG_20151015.jpg_20160318.jpg

Roberto Setton / Divulgação

RIO — Muitas casas e espaços de show já retomaram sua programação presencial, com todos os cuidados e protocolos sanitários por conta da pandemia da Covid-19. Mas diversos artistas e festivais seguem realizando apresentações virtuais para aqueles que não se sentem seguros ainda para sair de casa. Sem contar os formatos híbridos, como a cantora Mariana Volker, que toca neste sábado (14/11) na abertura do Somamos Festival, no Teatro Prudential, com espetáculo in loco e transmissão ao vivo pela internet. A seguir, confira uma lista de shows para assistir sem deixar o conforto e a segurança do lar.

#SalaDigital

A Sala Cecília Meireles exibe neste fim de semana “O ciclo integral das 32 sonatas de Beethoven”, seguindo a comemoração pelos 250 anos de nascimento do compositor alemão. Hoje, a programação inclui exibições virtuais dos pianistas Érika Ribeiro, às 16h, e Eduardo Monteiro, às 19h. Amanhã é a vez de Sergio Monteiro e Pablo Rossi, às 16h e às 19h, respectivamente. No YouTube (/salaceciliameireles).

Dobrando a Carioca

Formado por Guinga, Jards Macalé, Moacyr Luz e Zé Renato, o supergrupo se apresenta direto do palco do Teatro Rifal Refit, sem público na plateia. Em formato vozes e violões, os artistas interpretam composições que marcaram suas carreiras, como “Vapor barato” (Jars Macalé/Waly Salomão), “Picotado” (Guinga), “Anjo da velha guarda” (Aldir Blanc/Moacyr Luz) e “Toada” (Zé Renato/Claudio Nucci/Juca Filho). Às 19h30. A partir de 22,50. O link para a live será recebido após a compra do ingresso, à venda no site da Sympla.

Mariana Volker

A cantora e compositora leva ao palco reversível do Teatro Prudential espetáculo do disco “Órbita”, lançado no início deste ano, pela abertura do Somamos Festival.

— Vou estar com uma banda totalmente nova, só de mulheres, sob direção de Letícia Pires — diz Mariana, que toca acompanhada por Carol Mathias (baixo), Manuella Terra (bateria), Aline Lessa (teclados) e Mikhaila Copello (guitarra).

A cantora garante que “voltar aos palcos vai ser maravilhoso”:

— Estava com muita falta de fazer show e ver o público. Sei que vai ser reduzido, mas muito caloroso. E a transmissão on-line é uma forma de pessoas em outros estados poderem assistir. Estou muito animada, vai ser um show muito festivo, para a gente extravasar essa energia que ficou contida tanto tempo.

Nas próximas semanas, o evento traz Chico Brown (dias 20 e 21), Duda Brack e Chico Chico (22), Theo Bial e Quel (25), Barbara Sut e Luciane Dom (26), Tuim e Pietá (27) e Beraderos (28). Às 20h. R$ 20 (transmissão on-line) e R$ 60 (ingressos apenas pelo site da Sympla). 12 anos.

Mônica Salmaso e André Mehmari

Depois de meses realizando concorridas lives caseira com diversos convidados, a cantora Mônica Salmaso se uniu com o pianista e arranjador André Mehmari para fazer um show profissional em estúdio, com toda a infraestrutura de áudio de vídeo. O repertório inclui músicas como “Insensatez” (Tom Jobim/Vinicius de Moraes), “Sinhá” (Chico Buarque/João Bosco), “Camisa amarela” (Ary Barroso) e “Acaçá” (Dorival Caymmi). Às 20h, no YouTube (/monicasalmaso). Ingresso consciente à venda no site da Sympla.

Orquestra Petrobras Sinfônica

A Opes promove a segunda edição de seu “Festival Online”. A programação, que abriu na quinta, conta com concertos marcantes da companhia. Hoje, a orquestra apresenta o infantil “Arca sinfônica”, às 11h, “Villa de todas as cores”, dedicado à obra de Villa-Lobos, às 16h, e “Série álbuns: Black Album”, com versões sinfônicas para o clássico disco da banda americana de heavy metal Metallica, lançado em 1991. No YouTube (/opesinf).

Zélia Duncan e Arthur Nogueira

Em live do festival Se Rasgum, dentro da programação da Semana Internacional de Música de São Paulo, a artista niteroiense toca ao lado do cantor e compositor paraense. O roteiro traz o recente single “Dessas manhãs sem amor”, primeira parceria da dupla. Às 18h, no YouTube (/serasgum).