Lixo ou luxo? Grife vende bolsa inspirada em saco plástico por US$ 1.790

A polêmica marca de luxo Balenciaga volta a atacar com mais uma controvérsia fashion. Depois de repercutir nas redes sociais com seus tênis "destruídos", agora ela começa a vender bolsas inspiradas em sacos de lixo. Uma foto divulgada no Instagram mostra o modelo do "trash pouch" disposto em três cores: preto, azul e branco. E, claro, por ser uma grife, o preço é bem diferente de uma sacola plástica tipicamente usada em lixeiras. Conforme a Highsnobiety informou na quinta-feira, a unidade está saindo a US$ 1.790 (aproximadamente R$ 9,2 mil).

Veja: tênis destruído da Balenciaga que chocou as redes sociais não é tão destruído assim

'Acho ridículo vender vivência falsa', diz especialista sobre tênis estropiado de marca de luxo

A tal bolsa "de lixo" foi apresentada pela marca no desfile da coleção de inverno de 2022 em março. No site, a grife admite que o "trash pouch" é "inspirado em um saco de lixo". O próprio diretor criativo da marca, Demna Gvasalia, também reconheceu sua inspiração e deixou uma provocação em seu Instagram: "Não podia perder a oportunidade de fazer o saco de lixo mais caro do mundo porque quem não gosta de um escândalo de moda?"

Nas redes sociais, a bolsa logo foi alvo de críticas e zoação.

Essa não foi a primeira vez, contudo, que uma marca cria uma bolsa semelhante a sacos de lixo. Em 2017, a empresa BIIS também movimentou as redes sociais quando anunciou seus exemplares custando entre US$ 258 e US$ 423 (R$ 1,3 mil e R$ 2,1 mil, respectivamente, na cotação atual).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos