Localiza conclui venda de ativos à Brookfield, dona da rival Ouro Verde

Em agosto, Localiza registrou um lucro líquido de 456,7 milhões de reais para o segundo trimestre, alta de 2% sobre um ano antes (Getty Creative)
Em agosto, Localiza registrou um lucro líquido de 456,7 milhões de reais para o segundo trimestre, alta de 2% sobre um ano antes (Getty Creative)
  • Localiza concluiu venda de ativos para a Brookfield;

  • Venda dos papeis era uma condição imposta pelo Cade;

  • Nova operação reúne cerca de 49 mil carros e mais de 200 lojas de locação de veículos e seminovos da Unidas.

A Localiza informou na manhã desta segunda-feira (03) que concluiu, por R$ 3,6 bilhões, a venda de alguns ativos de locação de veículos e seminovos à Brookfield, gestora canadense que controla a rival Ouro Verde.

De acordo com a agência de notícias Reuters, a venda dos ativos foi uma das condições acertadas junto ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) para que o órgão antitruste aprovasse à combinação de negócios entre Unidas e Localiza, que juntou as duas maiores locadoras de veículos do país.

Segundo a reportagem, a nova operação reúne cerca de 49 mil carros e mais de 200 lojas de locação de veículos e seminovos da Unidas.

Em agosto, a Localiza registrou um lucro líquido de 456,7 milhões de reais para o segundo trimestre, alta de 2% sobre um ano antes. Os números do balanço da empresa ainda não incluíam os da ex-rival adquirida Unidas.

"Nesse trimestre, ainda mantivemos ritmo reduzido de venda de carros. Entretanto, com o crescimento dos volumes de compras (de veículos) ao longo do trimestre, começaremos a aumentar o nível de desativação, acelerando o (segmento de) seminovos ao longo segundo semestre", afirmou a empresa no balanço.

No mesmo documento, a Localiza informa que optou por antecipar as captações (de recursos) do ano para o primeiro semestre. A medida permitiria "capturar as oportunidades de crescimento em um cenário de maior volatilidade".