Logitech espera que cautela de consumidores seja temporária

Por John Revill

(Reuters) - A Logitech International disse nesta terça-feira esperar que a queda nos gastos dos clientes corporativos, que afetou as vendas da companhia no terceiro trimestre, seja temporária, depois que a fabricante de acessórios de computador sofreu um declínio acentuado no resultado do período.

A fabricante de mouses, teclados e equipamentos de videoconferência disse que a receita caiu 22% nos três meses encerrados em dezembro, confirmando seus resultados preliminares.

O presidente-executivo, Bracken Darrell, disse que a crise reflete a situação econômica global mais difícil e espera que os gastos dos consumidores aumentem novamente.

"Isso é temporário e acabará voltando", disse Darrell à Reuters em entrevista. "Não posso dizer quando, mas o crescimento continuará."

"No final das contas, isso faz parte do ciclo. Tivemos um ciclo longo e forte de crescimento e agora estamos em um ciclo de ajuste", acrescentou.

As vendas da Logitech nos três meses encerrados em dezembro caíram para 1,27 bilhão de dólares. Os números preliminares da empresa publicados em 11 de janeiro mostraram que a receita seria de entre 1,26 bilhão e 1,27 bilhão de dólares. O lucro operacional caiu 32%, para 204 milhões de dólares.