Londres convoca embaixador iraniano por detenção de representante britânico em Teerã

(Arquivo) Iranianos prestam homenagem às vítimas de avião ucraniano abatido

O Ministério das Relações Exteriores da Grã-Bretanha convocou nesta segunda-feira o embaixador iraniano em Londres para protestar contra a breve detenção, no fim de semana, do representante diplomático britânico em Teerã, anunciou o porta-voz de Downing Street.

"Foi uma violação inaceitável da Convenção de Viena e deve ser investigada. Pedimos ao governo iraniano todas as garantias de que isso não acontecerá novamente. O ministério das Relações Exteriores convocou hoje o embaixador iraniano para transmitir nossas objeções", disse o porta-voz.

No domingo, o Irã reconheceu que havia detido brevemente o embaixador britânico Rob Macaire, quando este deixava uma manifestação no sábado, organizada em princípio como uma vigília em memória das 176 vítimas do avião ucraniano abatido no Irã.

No entanto, o vice-ministro de Relações Exteriores do Irã, Abas Araghchi, enfatizou que "ele não foi preso, foi detido por ser um estrangeiro não identificado que estava participando de uma manifestação ilegal", acrescentando que Macaire foi libertado 15 minutos depois.

Por sua vez, o embaixador britânico negou ter participado de manifestações contra as autoridades iranianas, como publicaram alguns meios de comunicação.