Londres deve revisar liberdade antecipada após ataque

O primeiro-ministro britânico Boris Johnson prometeu neste sábado revisar o sistema de penas depois que um condenado por terrorismo em liberdade condicional matou duas pessoas em Londres com uma faca. O atentado ocorreu na sexta-feira e o agressor foi desarmado por um grupo de civis.