Lufthansa cancela 929 voos por retomada de greve de tripulantes

A Lufthansa anunciou neste domingo o cancelamento de 929 voos previstos para segunda-feira na retomada da greve dos tripulantes da companhia aérea alemã após um dia de pausa

A Lufthansa anunciou neste domingo o cancelamento de 929 voos previstos para segunda-feira na retomada da greve dos tripulantes da companhia aérea alemã após um dia de pausa.

O movimento, centrado em revindicações sobre salários e aposentadorias, afetará 113.000 passageiros, disse a empresa em comunicado.

A medida abrangerá os aeroportos de Frankfurt, Dusseldorf e Munique.

"Dos 3.000 trechos fornecidos [nesses terminais] 929 serão cancelados", disse a empresa em comunicado.

Em Frankfurt, primeiro "hub" da Alemanha, e em Dusseldorf, a paralisação vai ser executada das 01h30 às 20h (de Brasília) e em Munique a partir de 01h30 às 21h, anunciou o sindicato UFO, do pessoal de tripulação.

O sindicato pediu uma semana de greves, até 13 de novembro, com uma trégua no domingo, para evitar a interrupção de viagens num dia em que a maioria das viagens são de "caráter privado".

A greve já provocou o cancelamento de 300 voos na sexta-feira e 520 no sábado.

As filiais da Lufthansa (Germanwings, Eurowings, Lufthansa CityLine, SWISS, Austrian Airlines, Air Dolomiti e Brussels Airlines) não serão afetadas pela paralisação.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos