Luiza Trajano não está mais na lista de bilionários da Forbes

Mesmo com o patrimônio menor, Luiza Trajano ainda é considerada uma das pessoas mais ricas e influentes do país (Getty Image)
Mesmo com o patrimônio menor, Luiza Trajano ainda é considerada uma das pessoas mais ricas e influentes do país (Getty Image)
  • A empresária não faz mais parte da lista da Forbes

  • Cenário econômico afetou as vendas da Magalu

  • Em 2022 Luíza perdeu US$ 1,6 bilhão (R$ 8,1 bilhões)

A fortuna de Luiza Trajano, fundadora do Magazine Luiza, continua diminuindo. Com a redução do saldo bancário, a empresária não faz mais parte da lista global de bilionários da Forbes. O ápice financeiro de Trajano foi registrado em julho do ano passado. Na época, o patrimônio era avaliado em US$ 5,6 bilhões (ou cerca de R$ 28,6 bilhões).

Apenas em 2022, Luíza perdeu US$ 1,6 bilhão (R$ 8,1 bilhões) entre os meses de janeiro a maio, período em que as ações da Magalu recuaram 63,4%. Nos últimos 11 meses, a varejista recuou 90% no mercado. Os papéis, que antes valiam por volta de R$ 24 no meio de 2021, são negociados hoje a R$ 2,55.

No ano passado, a fortuna da empresária já tinha encolhido para US$ 1,4 bilhão (R$ 7,1 bilhões), o que representaria uma desvalorização de 75%, de acordo com a Forbes.

Mesmo com o patrimônio menor, Luiza Trajano ainda é considerada uma das pessoas mais ricas e influentes do país. Em 2021, ela foi eleita pela revista americana Time como uma das 100 pessoas mais influentes do mundo.

Possíveis causas das perdas

Uma das justificativa da queda é o cenário econômico do Brasil. Com o aumento da inflação e das taxas de juros, o poder de compra do consumidor diminuiu fazendo com que o mercado do varejo vendesse menos e tivesse lucros cada vez menores.

Além disso, existe um aumento na competição estrangeira no acirrado e-commerce brasileiro. Junto com Mercado Livre e Amazon, empresas asiáticas como Shopee, Shein e Aliexpress passaram a investir em publicidade, atraindo consumidores e vendedores para os próprios marketplaces.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos