Lula é capa da revista americana Time, que o apresenta como ‘o líder mais popular do Brasil’

O ex-presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva é capa da revista norte-americana Time que chega às bancas em 23 de maio. A publicação traz uma longa entrevista com o ex-chefe de Estado e analisa sua pré-candidatura para a eleição de outubro.

Pouco antes do anúncio oficial da pré-candidatura de Lula, previsto para o final desta semana, a revista Time divulgou a capa de sua próxima edição, que estampa o rosto do ex-presidente, ao lado da manchete “o líder mais popular do Brasil”. No texto, a publicação anuncia, em título, que o petista “retorna do exílio político com a promessa de salvar a nação”.

Na entrevista, Lula diz que ao deixar o cargo, em 2010, não pensava em voltar à Presidência da República. “Entretanto, o que eu estou vendo, doze anos depois, é que tudo aquilo que foi política para beneficiar o povo pobre— todas as políticas de inclusão social, o que nós fizemos para melhorar a qualidade das universidades, das escolas técnicas, melhorar a qualidade do salário, melhorar a qualidade do emprego—, tudo isso foi destruído”, desabafa o petista.

“Saindo do exílio político como um cavaleiro branco, Lula afirma que pode salvar o Brasil desse pesadelo”, escreve a revista. Mas o Brasil de hoje não é o mesmo que o petista governou, aponta a Time, lembrando que “uma crise política de seis anos dividiu amargamente a sociedade”.

Mesmo assim, a revista lembra que as pesquisas colocam Lula com 45% das intenções de voto, contra 31% para Bolsonaro, e que os candidatos centristas estão praticamente fora da disputa.

Zelensky tem “comportamento esquisito”, diz Lula


Leia mais

Leia também:
Em Paris, Lula se reúne com Macron após receber prêmio de "Coragem Política"
Para revista Le Point, maldição do populismo na América Latina tem solução em líderes como Lula
“Desejamos muito sucesso a Lula”: Boric, novo líder chileno, declara apoio ao ex-presidente brasileiro

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos